• Isabelle Lima

Três países, histórias que se unem: Entenda porque ir ao Cáucaso é tão incrível

Hoje o meu assunto será mais um destino exótico e pouco conhecido, mas um prato cheio de histórias, passeios, e paisagens que você talvez nunca tenha imaginado. Vou falar sobre a região do Cáucaso, e antes de tudo eu preciso te explicar o que é isso. É uma região composta por três países: Geórgia, Azerbaijão e Armênia, as fronteiras entre eles são relativamente novas, se formaram após o fim da união soviética, os três eram países soviéticos, o que você verá que dá um toque muito especial para essas cidades, elas não vão estar dentro daquele padrão europeu bem conhecido.


Acredito que já te contextualizei bem, e ao longo do texto mais informações virão. Difícil escolher por onde começar, mas vou falar primeiro sobre o Azerbaijão, que não é um destino caro, e isso nos dá grandes possibilidades para comer bem e comprar lembrancinhas. É um país enriquecido pelo petróleo, mas dentro de Baku, sua capital existe uma cidade amuralhada antiga e caminhar por ela te faz vivenciar o contraste pré-petróleo e pós-petróleo, é uma capital, que assim como todas do Cáucaso, nos impressionam muito. Nesse país existe o Parque Nacional de Gobustan, que conta a história dos primórdios da humanidade com pinturas rupestres preservadas em suas rochas originais!


As maiores experiências no Azerbaijão, até na região em sua totalidade vem de conhecer e entender as histórias e cultura daquele povo, com isso cada canto que você passar será mágico, porque tudo exala essa cultura viva, essa modernidade artística que encanta muito.


Continuarei pela Geórgia, o berço do vinho, em um tour por esse país é possível fazer um dia dedicado apenas ao vinho, e conhecer vinícolas antiquíssimas e isso será algo muito presente em sua visita na Geórgia, conhecer e degustar o famoso vinho. Além do vinho, algo que encanta demais aos brasileiros é realmente a paisagem natural, são muitas montanhas rodeando o Cáucaso e é algo muito diferente do que estamos acostumados a ver, então gera muita admiração, é realmente lindo ver as montanhas com neve e as vegetações ao redor. Mas, seria um pecado eu não falar de Tiblissi, a capital da Geórgia surpreende demais com uma vida noturna farta, um ambiente descontraído, jovem, descolado, que abriga bem a “old town” uma das áreas mais charmosas dessa cidade, e vai te apaixonar pela cidade já de início.


Por fim, mas não menos importante a Armênia, e é um destino com um cunho religioso interessante, muitos monumentos para visitar sendo onde fica o Monte Ararati que segundo a Bíblia foi onde parou a Arca de Noé, isso enche os olhos de quem ama história ou religião. Mas particularmente o que mais me chama atenção é o Museu de Arte Moderna, com um jardim belíssimo contendo obras ao ar livre, junto a restaurantes de ótimo gosto, é uma visita espetacular, além de te mostrar esse lado moderno, crítico e interessante desse país, muito presente e valorizado.

Será que você se lembra que eu disse no início que as fronteiras são bem recentes? Então muitas vezes as histórias desses países se misturam, e isso é engraçado porque, por exemplo, a Geórgia é considerada o berço do vinho, mas a primeira adega de vinho do mundo está na Armênia. Ou seja, por um tour por esses países você irá perceber como as culturas e histórias se misturam, e como é impressionante nosso conceito de fronteira, ser algo tão imaginário que o próprio tempo ultrapassa essa ideia. Enfim, é uma experiência de arrepiar.


Entre em contato conosco para viver essa experiência!


Quer receber mais conteúdos? Assine!

arrow&v